Marque Sua Consulta

Contato@prioritefisioterapia.com.br    
(48) 3248-6525 | WhatsApp (48) 99158-2786

Estética no pós-parto: quando é seguro?

Estética no pós-parto: quando é seguro?

São nove meses de mudanças.  Cerca de 80% das mulheres passam por problemas de flacidez, manchas na pele e estrias após o período de gravidez. Contudo, o pós-parto exige restrições na rotina e novos cuidados, especialmente se você está amamentando.

Durante a amamentação, devemos evitar tratamentos estéticos agressivos ou que injetem substâncias que passem pela circulação ou pelo leite.

Para fazer um procedimento, é necessário que seja algo seguro para a criança, que não pode sair no leite materno. Às vezes, (a mãe) faz o peeling químico para estrias nas mamas e na barriga e depois o resíduo do ácido, pode entrar em contato com a pele da criança e irritar.

  • A escolha de um profissional adequado também é um ponto importante a ser levado em consideração. Procure por profissionais com certa experiência com gestantes e pós-parto. Não se deixe enganar por propagandas e promessas de resultados rápidos, principalmente num período onde o corpo está sensível e com os hormônios alterados.

 

Tratamentos indicados para o Pós-Parto

  • Drenagem Linfática: Único procedimento que pode ser feito durante toda a gravidez e também depois dela para eliminar as toxinas do corpo e oxigenar os tecidos. Ajuda a reduzir a retenção de líquidos no corpo e a diminuir os inchaços. Devolve a elasticidade da pele e estimula o sistema imunológico.
  • Endermologia: O tratamento só pode ser realizado seis meses depois do parto. Indicado para redução de medidas, flacidez e celulite. Por meio de massagens a vácuo, a endermologia contribui para uma melhor circulação do sangue, melhora da oxigenação e do tônus da pele, reduzindo os nódulos de celulite e gordura.

Tratamentos relativos:

  • Radiofrequência: A radiofrequência é uma técnica bastante utilizada no tratamento da flacidez da pele do rosto e do corpo, porém deve ser utilizada com cautela durante esse período.  O equipamento gera um calor intenso, o que em algumas pessoas pode gerar tensão, prejudicando a produção do leite materno. A dica é evitar esse tratamento durante o período de amamentação e procurar outras técnicas que possibilitem resultados também eficazes.
  •  Tratamento para as estrias: No caso das estrias, tratamentos estéticos como carboxiterapia, microagulhamento e eletrolifting podem não ser recomendados para mulheres em amamentação, pois podem promover alteração de sensibilidade, edema e certo desconforto local. Além disso, por se tratarem de procedimentos com invasivos podem causar ansiedade, tensão e um certo grau de estresse, podendo interferir nas taxas de liberação hormonal, como da prolactina, que tem a função de estimular a produção do leite materno.

 

Priorité – Fisioterapia e Estética em Florianópolis

Agende uma avaliação e conheça mais sobre nossa clínica, equipe e tratamentos: (48) 3248-6525 – (48) 99158-2786 (WhatsApp)

Curta nossa Fanpage e fique por dentro das atualizações semanais!

Deixe um comentário

Nome*

Email* (Nunca Publicado)